Tentação e nutrição

Fazer dietas nem sempre é fácil, principalmente porque a ideia de fazer dieta é muitas vezes mal in­terpretada. Segundo um estudo pan-europeu da KRC Research, que envolveu mais de 500 nutricionistas, incorporar alimentos de prazer, tais como os gelados, na alimentação ajuda a manter uma dieta saudável e equilibrada durante mais tempo. Na verdade, é errado considerar que os gelados são apenas guloseimas, pois quando integrados num estilo de vida saudável e numa alimentação equilibrada, podem ser uma alterna­tiva saborosa para ingerir vitaminas, cálcio ou sais minerais. Há mais de três mil anos que os gelados conse­guem seduzir os paladares até dos mais exigentes. Um dos principais aliados do gelado é o leite, que lhe confere a cremosidade e o sabor característicos. Graças ao leite, as crianças e pessoas de idade podem encontrar nos gelados uma fonte alternativa de cálcio, fósforo, ferro, potássio e magnésio. Além disso, a Organização Mundial de Saúde re­comenda o consumo diário de três a cinco peças de fruta por dia e os gelados com sabores ou coberturas de frutas são uma excelente forma de ingerir os nutrientes das frutas naturais. Por outro lado, as coberturas de chocolate apresentam vastas propriedades nutricionais e emocionais. Com cheiro e sabores únicos, o chocolate é rico em substâncias que podem actuar como estimulantes do sistema nervoso central e rico em flavonóides que trabalham como antioxidantes, evitando a formação dos radicais livres que atacam as paredes das artérias. Contudo, é fundamental saber qual a dose de gelado adequada a cada idade e às condições de saúde de quem a ingere.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

css.php