Tag Archives: planos de treino

Perder Peso – Batido Saciante

Quando fazer uma hora de desporto todos os dias e seguir uma dieta não é suficiente para perder as gorduras que se acumulam nos pontos indesejados, introduzir pequenas alterações no treino e na dieta pode ajudar-nos a perder 2 ou 3 kg sem passar fome. Os batidos de verduras não são muito habituais mas são muito saciantes e ajudam-te a perder peso quando estás a seguir uma dieta. Podem tomar-se como primeiro prato ou entre as refeições principais quando tens fome e, além disso, fornecem energia para enfrentares um treino queima-gorduras. Este batido de iogurte e pepino tem um sabor especial entre salgado, ácido e picante e ajuda-nos a perder o vício do doce ao mesmo tempo que aporta energia para poderes treinar sem que te faltem as forças e queimar essa gordura extra para te livrares do teimoso pneu.

Este batido é baixo em calorias (dois copos grandes contêm apenas 242 kcal) e em gorduras e em troca contém fibra, proteína saciante, cálcio, que ajuda a perder peso, vitamina A, vitamina C, vitamina K, etc. É muito aconselhável para desportistas e mulheres porque o leite de cabra ajuda a prevenir a anemia ferropénica e a desmineralização óssea. Além disso, o leite ou o iogurte de cabra contêm camitina queima-gorduras de origem natural e os aminoácidos: arginina e lisina, que estimulam a hormona de crescimento para conseguir aumentar a massa muscular. A pimenta é uma especiaria que aumenta a termogénese pelo seu efeito picante e a salsa é uma erva diurética que além de evitar a retenção de líquidos que nos pode fazer engordar também alivia a síndrome pré-menstrual e as dores menstruais.image

Para um batido de meio Litro

Os benefícios do exercício Cardiovascular.

Entre muitos outros benefícios, o exercício cardiovascular melhora a capacidade de processar o oxigênio, facilita a o coração a tarefa de bombear o sangue por todo o corpo e queima muitas calorias. O cardio pode ser aeróbio (quando se realiza a uma intensidade que se consegue manter durante mais de 2 minutos sem parar ou diminuir o ritmo) e anaeróbio (exercício intenso, como fazer pesos ou treino de corrida em intervalos, em que não se pode manter o esforço por mais de 2 minutos).
De acordo com estudos recentes, não é necessário fazer exercício aeróbio para nos mantermos saudáveis. O trabalho anaeróbio pode chegar.
Mas, atenção, não se trata de limitar o treino à sala de musculação. O que acontece é que os treinos de

corrida, bicicleta, natação, etc, curtos e intensos, são eficazes para manter a saúde cardiovascular.

Atletismo – Saúde

image
Muitas pessoas não fumam, não sofrem de stress e nem querem competir, apenas encontram na corrida uma forma de estarem saudáveis e de se manterem jovens. Quando o nível de forma é baixo, no primeiro dia que corres não aguentas mais de dois minutos pois comete-se o erro comum de começar demasiado forte sem ter condição física apropriada. Com o treino adequado, tudo muda e poderás passar a desfrutar da corrida e a não saber viver sem ela, sentindo-te mais jovem e saudável.
Assim deves treinar

Aplicações para monitorizar os seus treinos

Existe hoje em dia muitas aplicações que permitem acompanhar os vossos treinos, criar planos de treino, gravar os seus percursos, medir a distância percorrida, calorias gastas ou simplesmente medir a sua frequência cardíaca.

Ao longo do tempo permite ajudar os seus treinos e motiva-lo a obter uma melhor performance na sua modalidade de selecção. Por isso fica aqui algumas aplicações que de certeza vão-lhe ajudar.

Atletismo – Como evitar os 10 erros mais comuns (2ªParte)

5 – Competir em demasia

O calendário desportivo de corridas é cada vez mais extenso e variado. Sem grandes deslocações, num país pequeno como Portugal, é praticamente possível competir todos os fins-de-semana. Por outro lado, as corridas são altamente motivantes e o convívio com o pelotão da corrida tem uma série de particularidades que fazem da competição um momento de corrida diferente. Em competição, por muito pouco interesse que possa ter, dás sempre o teu melhor se não fores um corredor bastante experiente e com objectivos e ritmos perfeitamente definidos. As competições demasiado frequentes obrigam a muitos quilómetros a ritmos elevados, geralmente em asfalto, com sapatilhas que têm pouco amortecimento. Por outro lado, quando competimos muito regularmente, acabamos poratletismo treinar bastante menos e portanto limitar a nossa progressão. Antes de cada competição a  tendência é aliviar a carga de treino pelo menos 2-3 dias antes, e a recuperação obriga a outros tantos dias a treinar menos. Portanto, quem compete todos os fins-de-semana não treina! Entra num processo de Descanso-Recuperação a que as competições obrigam! Define claramente o teu calendário competitivo e selecciona as competições que consideras de preparação para as competições que consideras principais. Quanto maior forem as distâncias em que competes, menor terá de ser o número de competições onde poderás participar.

6 – Realizar treinos longos ou competições longas sem reabastecimento

Acima de uma duração de lh20, seja em treino ou competição, deverás reabastecer durante o esforço. A água e energia disponível no teu organismo são limitadas. Se repuseres durante o próprio esforço, conseguirás não só manter o teu ritmo por mais tempo, como também irás recuperar mais depressa para a sessão seguinte porque não levaste o teu corpo a determinados limites. Segue um plano simples de reabastecimento e vai experimentado produtos até encontrares os que melhor se adaptam ao teu organismo e que mais gostes. Na corrida, a reposição de água e gel energético é suficiente, sabendo que a título indicativo te aconselhamos o seguinte:

css.php