Tag Archives: Atletismo

Atletismo – Superar desafios

Para superares desafios físicos há que ter muito bem afinadas as provas de corrida, sobretudo as de fundo, provas que penalizam frequentemente os aspirantes. A prova física de que mais pessoas desistem é a corrida longa, de mil ou dois mil metros. Curiosamente, é a mais fácil de preparar, mas também a mais propícia ao descuido e a pior que se prepara. No dia da prova são normais os maus resultados, pois a maioria das pessoas dispara no início, muito acima das suas possibilidades, e chega ao final de rastos, com tempos no mínimo desconsolantes.
Assim deves Treinarimage

- Apenas com três dias por semana durante três meses podes preparar de forma fenomenal todas as corridas de rua, tanto as mais rápidas como as mais compridas.

Atletismo – Saúde

image
Muitas pessoas não fumam, não sofrem de stress e nem querem competir, apenas encontram na corrida uma forma de estarem saudáveis e de se manterem jovens. Quando o nível de forma é baixo, no primeiro dia que corres não aguentas mais de dois minutos pois comete-se o erro comum de começar demasiado forte sem ter condição física apropriada. Com o treino adequado, tudo muda e poderás passar a desfrutar da corrida e a não saber viver sem ela, sentindo-te mais jovem e saudável.
Assim deves treinar

Atletismo – Como evitar os 10 erros mais comuns (2ªParte)

5 – Competir em demasia

O calendário desportivo de corridas é cada vez mais extenso e variado. Sem grandes deslocações, num país pequeno como Portugal, é praticamente possível competir todos os fins-de-semana. Por outro lado, as corridas são altamente motivantes e o convívio com o pelotão da corrida tem uma série de particularidades que fazem da competição um momento de corrida diferente. Em competição, por muito pouco interesse que possa ter, dás sempre o teu melhor se não fores um corredor bastante experiente e com objectivos e ritmos perfeitamente definidos. As competições demasiado frequentes obrigam a muitos quilómetros a ritmos elevados, geralmente em asfalto, com sapatilhas que têm pouco amortecimento. Por outro lado, quando competimos muito regularmente, acabamos poratletismo treinar bastante menos e portanto limitar a nossa progressão. Antes de cada competição a  tendência é aliviar a carga de treino pelo menos 2-3 dias antes, e a recuperação obriga a outros tantos dias a treinar menos. Portanto, quem compete todos os fins-de-semana não treina! Entra num processo de Descanso-Recuperação a que as competições obrigam! Define claramente o teu calendário competitivo e selecciona as competições que consideras de preparação para as competições que consideras principais. Quanto maior forem as distâncias em que competes, menor terá de ser o número de competições onde poderás participar.

6 – Realizar treinos longos ou competições longas sem reabastecimento

Acima de uma duração de lh20, seja em treino ou competição, deverás reabastecer durante o esforço. A água e energia disponível no teu organismo são limitadas. Se repuseres durante o próprio esforço, conseguirás não só manter o teu ritmo por mais tempo, como também irás recuperar mais depressa para a sessão seguinte porque não levaste o teu corpo a determinados limites. Segue um plano simples de reabastecimento e vai experimentado produtos até encontrares os que melhor se adaptam ao teu organismo e que mais gostes. Na corrida, a reposição de água e gel energético é suficiente, sabendo que a título indicativo te aconselhamos o seguinte:

Plano de treino – Atletismo

O plano de treinos que te proponho tem como objectivo a preparação de uma corrida de 5km em 12 semanas, sem nunca teres corrido antes. Ao começares no mês de Agosto estarás apto a participar numa Corrida no final do mês de Outubro. No final deste ciclo de treinos, poderás então pensar noutro tipo de objectivos e na preparação de uma corrida de 1Okm, por exemplo.

A seguir a cada período a correr, segue-se um período a andar. Exemplo: 5′ corrida + 2+ andar + 5′ corrida + 2′ andar + 5′ corrida + 2′ andar etc…

Para muitos que ainda hoje em dia não correm, o difícil parece ser começar. Para quem já corre de forma regular, o difícil e penoso é não poder ir correr

Atletismo – Ganha velocidade

Uma das chaves para ganhar velocidade é correr lentamente. Quem o afirma é o Dr. Phill Maffetone, especialista em corrida, saúde, fitness e nutrição. O sistema aeróbio proporciona à volta de 95% da energia em corridas tão curtas como as de 5km. Imagina em provas mais compridas… Esta afirmação surpreende muitos corredores que dizem que sem trabalho de velocidade não há melhoria. Se corres lentamente, estás a construir uma base aeróbia fundamental para melhorar em qualquer distância. Aplicando a “fórmula de 180″ saberás qual o teu ritmo de rodagem lento. Não estranhes se te sentires muito lento, pois é o que se passa com todas pessoas quando experimentam estes ritmos. O bom disto é que se correres assim, pouco a pouco irás ser mais rápido sem aumentar as tuas pulsações. Vais melhorar sem sobre treino e esgotamento.

Corredor de nível baixo ou principiante

css.php