Alimentação para ganhar músculo

Comer para ganhar massa muscular é mais fácil com esta tabela nutricional que divide as calorias em partes iguais entre proteínas, hidratos de carbono e gorduras, para ter um bom equilíbrio nutricional Leia mais »

Fitness exercícios lesivos para mulheres

Fitness, exercícios lesivos para mulheres

O sistema ósseo dos homens e das mulheres é diferente. Nas mulheres a cintura pélvica é mais larga e o comprimento do fémur é menor, portanto o ângulo entre o pescoço e Leia mais »

ESTRATÉGIAS PARA “QUEIMAR GORDURA”

Truques para aceder às reservas de gordura com substrato energético Primeiro treino de força depois cardiovascular Esta ordem é a opção que oferece mais vantagens. Para o treino com sobrecargas, o organismo Leia mais »

Abdominais

Deitado de barriga para cima, pernas flectidas e mãos atrás da nuca. Expira e sobe o tronco, mantendo o abdominal contraído, inspira e desce. As mãos não devem puxar o pescoço, apenas Leia mais »

Variantes: apoios dos pés

Treinar numa postura natural (com as pernas afastadas sensivelmente à largura dos ombros) distribui o peso por toda a zona da coxa, mas quando colocas os pés mais juntos o estímulo passa Leia mais »

Depressão não é tristeza

Cerca de 20% da população mundial já teve uma depressão nervosa pelo menos uma vez. Os principais sintomas desta doença são: tristeza, angústia e/ou sensação de vazio permanentes e diminuição do interesse por actividades que dantes eram encaradas com entusiasmo.

A depressão é uma das doenças mais comuns da era moderna, mas já é conhecida desde a antiguidade. E um problema que acomete homens, mulheres e até crianças. Sentimentos de infelicidade, inutilidade, culpa e vazio são normais e ocorrem em todas as pes­soas após acontecimentos indesejáveis. Geralmente desaparecem algum tempo depois, não devendo ser encarados como depressão. No entanto, deve-se ficar atento quando esses sentimentos se tornam graves e duram várias semanas. Estima-se que cerca de 15 a 20% da populaçãoimage mundial, em algum momento da vida, sofreu de de­pressão. A depressão é mais comum em pessoas com idade entre 24 e 44 anos. A ocorrência em mulheres é o dobro da incidência em homens. As causas da de­pressão são inúmeras e controversas. Acredita-se que a genética, alimentação, stress, estilo de vida, drogas, e outros factores estão relacionados com o surgimento ou agravamento da doença. A depressão, seja ela leve, moderada ou grave, necessita de tratamento médico, geralmente medicamentoso (com antidepressivos), ou recorrendo à psicoterapia, ou a combinação de ambos, de acordo com a intensidade da doença.

Deprimido? Ou apenas triste?

O que é o Tai Chi Chuan?

Tai Chi Chuan ou Tai Ji Quan, no sistema Pinyin, significa a arte da suprema cumeeira. Podemos assim dizer que o Tai Chi é a Arte Marcial do Supremo Equilíbrio, é uma arte marcial caracterizada pela suavidade e harmonia dos movimentos, pela procura do equilíbrio entre o yin e o yang e pelo desenvolvimento da força interna.

Um pouco de história…

Muitas histórias existem sobre a origem do Tai Chi, sendo difícil validar a sua veracidade, mas segundo o Grão Mestre Fu Sheng Yuan, a origem do Tai Chi remonta a tempos ancestrais e às Montanhas de Wudang e ao Monge Taoista Chang San-Feng (1200 dC). Ao longo dos séculos, os praticantes de Tai Chi estiveram ligados à definição de regras de conduta humana básica, como a bondade, o respeito aos mais velhos ou o amor-próprio. Com a revolução de 1900 a 1910 a arte do Tai Chi sofreu um declínio, mas com Mao Tse Tung e com a revolução cultural surge um Tai Chi moderno, simplificado, sem o seu significado original de desenvolvimento da energia interna, mas apenas com o intuito de desenvolver a capacidade de relaxamento. A dedicação de algumas famílias, particularmente da Família Yang de Yong Nian, em transmitir o seu conhecimento e as suas técnicas, foi tão grande que hoje os estilos tradicionais são reconhecidos na China e fortemente divulgados em todo o mundo. Hoje existem cinco estilos oficiais de Tai Chi Chuan, dos quais os mais conhecidos são o Estilo Yang e o Estilo Chen (embora proliferem uma infinidade de estilos que de Tai Chi apenas têm o nome). Em Portugal, a CHINARTE – Escola de Artes Marciais e Medicina Tradicional Chinesa (www.chinarte.com), detém a representação exclusiva da Escola Tradicional de Yang Tai Chi Chuan, cujo responsável é o Mestre Nelson Barroso, que possui a mais alta graduação em Tai Chi Chuan em Portugal, atribuída pela Associação de Wushu de Beijing – China.

Corrida aos ginásios aumenta com a chegada do Verão

Com a chegada do tempo quente e com a necessidade de se usar cada vez menos roupa e de mostrar um pouco mais o corpo, a “corrida aos ginásios”, poucos meses antes da chegada do Verão, começa a ser uma tendência cada vez mais frequente. Na procura de um corpo perfeito, os por­tugueses como que acordam de um período de hibernação e dirigem-se em massa aos ginásios que proliferam de Norte a Sul do país. “No mês de Maio a procura dos nossos ginásios aumenta, não só através da inscrição de novos associados, mas também do aumento de frequência por parte dos sócios habituais, que começam a vir treinar de uma maneira mais regular e intensa, não só as mulheres, como cada vez mais os homens”, refere Ri­cardo Ferreira, Director Comercial do “Holmes Place” da Avenida da Boavista, no Porto. Uma tendência que Mariana Seixo, Gerente do “Viva Fit” de Linda-a-Velha, em Lisboa, corrobora, embora apenas em relação ao sexo feminino, uma vez que este ginásio se destina única e exclusivamente a mu­lheres. “Em termos práticos, o grande objectivo das nossas sócias nesta altura do ano é perder peso. Com o calor a apertar e com as roupas a en­curtar, as mulheres começam a pensar mais na “linha” e acabam por recorrer ao ginásio na tentativa de esculpir o corpo”. No entanto, salienta Mariana Seixo, “somos bastante sinceras com as nossas sócias alertando-as para o fado de não existirem milagres. Este é apenas o início de um processo que a médio/longo prazo vai dar os seus frutos, mas em apenas dois meses é impossível alcançar o objectivo último de conseguir um corpo perfeito”. Ape­sar de a maior parte das pessoas ter consciência de que oimage exercício físico acarreta inúmeros benefícios para a saúde, nomeadamente ao nível respi­ratório e cardiovascular, para além de fortalecer os músculos e baixar o colesterol, continuam a ser as questões estéticas as principais impulsionadoras da sua prática, principalmente nesta altura do ano, uma realidade que não se limita apenas aos portugueses. “A nossa realidade é ligeiramente dife­rente da de um ginásio convencional, porque como estamos inseridos num resort, temos afluência durante todo o ano, tanto de portugueses, como de estrangeiros”, adianta Muno Pi­nheiro, Coordenador de Actividades do “Vale do Lobo Fitness Center”, no Algarve. “Durante o chamado pe­ríodo de Inverno, tanto os hóspedes como os clientes sazonais freqüentam o ginásio, mas de facto nesta altura frequentam-no com mais assiduidade. Aliás, contrariamente ao que acontece com a maior parte dos heatth clubs, que durante, o mês de Agosto estão vazios, o nosso está cheio”, diz Nuno Pinheiro, ressalvando que apesar de nesta altura existir “uma preocupação maior com a questão estética, se veri­fica cada vez mais uma preocupação com a saúde”. De facto, não se deve fazer exercício apenas e só por ques­tões estéticas, mas a verdade é que “as pessoas que procuram o nosso espaço são motivadas, acima de tudo, por elas próprias”, refere Ricardo Ferreira, alertando para os perigos da chamada “ditadura do corpo”, que faz com que as pessoas tentem obter o corpo perfeito a qualquer preço. “Se a pessoa não praticava qualquer tipo de desporto antes de se inscrever no nosso ginásio, desaconselhamos totalmente o exercício físico em ex­cesso e a redução drástica em ter­mos alimentares, nomeadamente no que diz respeito à ingestão de gor­duras e de hidratos de carbono, dois componentes alimentares essenciais para quem faz exercício físico”, con­clui. Não deixe de praticar exercício físico, mas faça-o com conta, peso e medida e, acima de tudo, pelos motivos mais válidos.

FuteVólei

Conselhos para principiantes

- O futevólei não é um desporto individual e por isso é necessário encontrar praticantes da modalidade ou, caso não os encontres, juntar mais três amigos.

- O futevólei é um desporto de praia e evidentemente facilita a sua prática morar perto da praia ou de algum campo de areia. Caso isso não seja possível, sempre poderás jogar num pavilhão ou na relva. Não será a mesma coisa, mas não deixa de ser motivante.

- É fundamental seres determinado na fase de aprendizagem. Os primeiros tempos são os mais difíceis. A bola estará sempre no chão, o jogo será pouco intenso e desinteressante e poderá ser inclusive desmotivante. Muitos jogadores abandonam a modalidade nesta fase inicial. No entanto, com treinos e determinação, oFuteVólei praticante vai conquistar alguns requisitos técnicos que lhe permitirão realmente jogar. Ultrapassado esse período mais complicado, o vício apoderar-se-á do jogador, ávido de novas conquistas técnicas e de vitórias nas suas disputas com os amigos.

Canoagem – José Ramalho sonha com o top 5

Bicampeão português de maratonas, está a trabalhar para entrar no top 5 nos mundiais de canoagem, que vão decorrer no rio Douro, em Vila Nova de Gaia, de 18 a 20 de Setembro. "Sei que é uma prova complicada, com mais de 500 atletas de mais de meia centena de países, os melhores do planeta, mas sinto-me bem e acredito que posso entrar nos cinco primeiros", disse José Ramalho.Canoagem - José Ramalho

css.php