Alimentação Saudável

No tomate, quanto mais vermelho melhor

Tem muita água, poucas calorias, antioxidantes, várias vitaminas e sais mi­nerais. Por tudo isto, o tomate «é mui­to importante, especialmente nesta al­tura do ano», diz Alexandra Bento, membro da Associação Portuguesa de Nutricionistas. «É um alimento muito rico em licopeno, que lhe confere a cor vermelha.» Este antioxidante resulta «eficaz no combate aos radicais livres produzidos pelo organismo», evitando a degeneração e a morte das células. No Verão, a produção de radicais livres dispara com o sol e o aumento das temperaturas, aliadas ao stress e ao consumo de tabaco. Por isto, nos me­ses de calor recomendam-se as saladas. E vermelhas, de preferência.

A nutricionista refere também que «vários estudos já provaram a impor­tância do tomate na prevenção de vá­rios tipos de cancro». Rico em diversas vitaminas, como a C e o ácido fólico, e em minerais como potássio e cálcio, bem como em magnésio, fósforo e fer­ro, este fruto é igualmente eficaz no controlo da tensão arterial.

Mais vegetais e frutos

A Organização Mundial de Saúde aler­ta para a necessidade de consumo de três a cinco porções de frutas e vege­tais. E Alexandra Bento confirma que «em Portugal consomem-se menos ve­getais e frutas do que aquilo que seria desejável» — «Logo por aí, é fácil per­ceber que o tomate é um alimento im­portante.»

Como é maioritariamente compos­to por água (95 por cento), aliada a uma baixa percentagem de hidrates de carbono, o tomate é ideal nesta al­tura do ano: ajuda a hidratar e tem poucas calorias, tornando-se perfeito para aqueles que se preocupam com a linha.

Como carotenóide que é, o licope­no é ainda melhor absorvido na pre­sença de uma gordura saudável como o azeite, que facilita o transporte, ab­sorção e acção deste fitonutriente no organismo. Mas a nutricionista realça que o uso de tomate nas refeições pode também ajudar a «diminuir a quanti­dade de gordura utilizada, por exem­plo, em caldeiradas e refogados». «O to-mate não é milagroso, mas é certamente um alimento muito im­portante para uma dieta saudável», conclui a nutricionista.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

css.php